C42_header_FTWD-topo

30 – Fear The Walking Dead (Temporada 1)

Canal42 30

Jurandir Filho, Bruno Costa e Ricardo Rente conversaram sobre a primeira temporada do seriado Fear The Walking Dead. Dá para assistir sem conhecer a série original? Será que finalmente teremos a explicação da causa do apocalipse zumbi? Quais os acertos e erros desse spin-off?

Sinta-se em casa e deixe o seu comentário. \o>


PODCAST RELACIONADO

Canal42 S05E29 – The Walking Dead [Temporadas 1, 2, 3, 4 e 5]


TIMELINE DO PODCAST

[Introdução SEM SPOILERS | até 53min10seg]
[Temporada 1 COM SPOILERS | a partir de 53min20seg]


ASSINE O NOSSO FEED

Não perca nenhuma edição do 42. Assine:

iTuneshttps://itunes.apple.com/br/podcast/canal42.tv/
Android/Windowshttp://feeds.feedburner.com/canal42podcast


SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS

Envie e-mails para: canal42podcast@gmail.com


OUÇA AGORA O PODCAST

Aperte o play abaixo e bem-vindo ao nosso mundo:


Quer baixar essa edição para o seu computador? CLIQUE AQUI!

Comentários

  • Wilkson Luiz Silva

    Um dos melhores primeiros episódios

  • Caio Schner

    F5 o/ (sqn 🙁 )

    Opaa… podcast errado hahaha

    Estão fazendo um ÓTIMO trabalho, parabéns; )

  • Wilkson Luiz Silva

    Atrasado no F5

  • Augusto Purukinho Kistler

    Corrigiram não continua feio, agora só tem opção legendado. Dublado só na segunda no fim das contas continuaram desrespeitando uma parcela do publico que pelas pesquisas é maioria que prefere dublado.

  • O programa para acompanhamento de séries que uso no android é o SeriesGuide. É um App gratuito mas tem uns recursos avançados que só são desbloqueados se você pagar (vale a pena pagar, a propósito).

    • João Antônio

      Estou usando o TVShow Time, para Android, e também acho muito bom. Vou ver sua sugestão.

  • Rodrigo Deway Bacelar

    Com tantas séries para vocês falarem, achei meio desnecessário ter um cast apenas para “Fear The Walking Dead”, sendo que semana passada já fizeram sobre as 5 temporadas de “The Walking Dead”.

    Apesar de ser interessante ver os primeiros dias do outbreak zumbi e acompanhar núcleos diferentes, a série falha em muitos aspectos.
    O ritmo é leeeeeeeeeeento; os personagens principais são estereotipados e genéricos; e a premissa de mostrar a queda da sociedade, do governo e das estruturas não foi totalmente cumprida.

    Existem elementos interessantes para explorar, mas no geral a série foi uma decepção pra mim. Se não focar na queda do governo e da sociedade em si, não vejo qual a relevância de vermos as mesmas situações mostradas em “The Walking Dead” (que tem vários altos e baixos), mas com personagens diferentes.

    2 estrelas em 5.

  • As séries que eu acompanho podem ser vistas aqui: https://trakt.tv/users/marcus-vbp

  • Caras eu acho que esse lance do apocalipse zumbi começando lentamente e tal, e as pessoas vão tomando consciência do problema… eu acho que se fosse assim de verdade, o problema seria facilmente resolvido.

    Se o exército tivesse ciência do problema os zumbis deixariam de ser uma ameaça e seriam um alvo apenas.

    pessoalmente eu acho que para uma invasão clássica de zumbi der certo ela teria que invalidar primeiro o exército e o governo, e depois os serviços básicos, que o tornaria muito difícil ou impossível de combater.

    os mundos de apocalipse zumbi que eu acho mais crível são os de 28 Days Later (Extermínio) e do Guerra Mundial Z.

    Aliás se os zumbis atacassem como tubarões e viesse em ordas de milhões como em Guerra Mundial Z a gente tava é fudido.

  • Outra coisa muito comum em universos Zumbis, tanto que eu acho que é uma das principais características desse tipo de ficção: ninguém pensa a longo prazo.

    quase todo mundo só busca a próxima refeição, a próxima safehouse, e principalmente não pensam em como matar zumbis de forma mais eficiente.

    Zumbis são máquinas muito simples, basicamente só reagem a estímulos. Se você criar uma bomba que emita sons (ex: um botijão de gás com um detonador e um rádio anexado), você pode acabar com todos os zumbis de uma região de uma vez.

    Por isso, se o mundo acabar, vou abrir uma firma de exterminação de zumbis.

  • diogenesl

    O melhor aplicativo/rede social é o trakt.tv e esse tem aplicativo pra Windows Phone

    • Bruno Costa

      Ele é pago?

      • diogenesl

        Escrevi rápido e não escrevi tudo kk . Na verdade o trakt.tv é uma rede social e tem api aberta, ai muitos aplicativos acabam sincronizando com ela, no Windows o mais conhecido (acho que) é o TVShow

  • Sobre HMYM, eu vi todas as temporadas com minha namorada, e chegou na última, eu levei MESES pra terminar de tão saturado que fiquei, tanto que minha namorada se forçou a continuar sem mim e me recomendou ignorar o resto dos episódios que faltavam pra ver só o episódio final, e foi oque fiz. Sério, mesmo nesse último episódio, foi uma droga, só se salvou os últimos 15 minutos, foi bonito mesmo esses minutos finais, mas a temporada foi uma completa porcaria.

  • Lenda de Korra já terminou, e a história deve continuar nas HQs.

    • Ps: Lenda de Korra teve um final covarde na minha opinião.

      • Rico Roquette

        Cara, discordo de você. Um desenho “para crianças” colocar a relação dos personagens no final é bastante corajoso. Eu achei bacana o final, nunca gosto quando uma série que eu to acompanhando termina, mas Korra teve o seu momento e sua importância. Acho que vale muito a pena a série toda.

        • Cara, pra mim seja pra criança ou adulto, quando algo é mal desenvolvido é mal desenvolvido, não tem desculpa, ainda mais conhecendo o trabalho anterior que é The Last Airbender, que é muito bem amarrado e redondo, com personagens e arcos muito bem feitos e pensados. Os personagens em Korra são bons, mas muito mal explorados e desenvolvidos por conta da quantidade de tramas e sub tramas e do número de episódios por temporada. E sim o final no meu ponto de vista foi covarde, a série estabelece uma coisa, mas no final deixa subentendido e os criadores somente esclarecem realmente oque aconteceu no site deles… Pra mim foi muito frustrante isso, poderiam ter abordado a relação das duas personagens durante a última temporada, teria sido muito mais foda do que esconder como eles fizeram.

          Korra foi uma animação acima da média? Com certeza que foi. Mas tendo como comparação a qualidade de tudo da série anterior, ela ficou muito abaixo do esperado, muitas vezes as coisas se resolviam conforme o gosto do roteirista, algo bem deus ex machina. Sou chato assim com a série, pois eu sou muito fã do universo Avatar, A lenda de Korra é pra mim oque a nova trilogia de Star Wars é para os fãs da trilogia clássica. Até porque tanto a velha trilogia como a Saga de Aang são a jornada do herói clássica.

          • Rico Roquette

            Cara, concordo com você. Korra foi prejudicada pelo o número de episódios por temporada e número de temporadas comparado a Aang. Sobre os persongens serem trabalhados superficialmente é outra coisa recorrente na série,você pega o exemplo do vilão da última temporada, surgiu do nada no final da segunda e já tava muito foda na terceira (não vou ficar me alongando aqui por não ser o ponto). Acho que por toda a série fica espaços de tempo muito grandes em aberto, que isso talvez eles trabalhem em outras medias, e fica com muita cara de deus ex machina.

            Eu entendi melhor o seu ponto de vista. Falei que foi corajoso por abordar um relacionamento amoroso entre duas personagens em uma animação voltada para crianças e se ficasse muito explicito poderia ter tido problemas com os “moralistas” de plantão e a série não ter tido o final que os criadores queriam.

            Acho Aang mais divertido que Korra, só que Korra tem assuntos mais profundos abordados por toda a série. Na minha opinião o maior problema de Korra foi aonde ela tava sendo exibida, Nickelodeon que tem um publico infanto-juvenil não permite que algumas coisas sejam abordadas nos seus programas, por não ser o alvo do público deles. Talvez se tivesse em uma emissora que faça animação com uma classificação etária maior fosse melhor explorado.

            Ainda tenho esperança de uma nova série de Avatar, gosto muito do universo e queria ver mais material sendo produzido.

            Valeu.

          • Até dava tempo de desenvolver a trama principal nos 12/13 episódios da temporada, mas como tinha muito personagem, eles não sabiam aonde focar e enrolavam até a season finale, dai como ficava tudo muito corrido, rolava o deus ex machina.

            Cara, você não sabe o quão triste eu fiquei quando soube que sim rolava um interesse amoroso entre as personagens. Velho de todos os romances que teve na série, o dessas duas personagens seria o que mais faria sentido, a série teria ganhado muito se mostrasse esse relacionamento se desenvolvendo. Diferente de muitos que ficaram putos ao saber que elas eram lésbicas, eu fiquei puto de não terem mostrado isso durante a série, depois que os criadores confirmaram eu fiquei imaginando várias cenas que poderiam ter acontecido durante a temporada, como a Asami ir atrás da Korra enquanto ela estava desaparecida. Enfim, agora não adianta mais.

            Concordo, os assuntos abordados na série da Korra são de fato mais profundos, pena que foram mal explorados. Eu acho que a culpa não é exclusivamente da Nick, qualquer canal americano que passe desenho tem a associação dos sem noção de olho, muita gente ainda vê desenho animado como coisa de “criança”, quando na verdade existe desenhos que abordam assuntos muito maduros. Acho interessante que desenhos como Hora da Aventura e Steven universe escondem a crítica no seu humor nonsense.

            Eu gostaria muito que tivesse mais do universo Avatar, apesar das duas sagas se estenderem em Hqs, eu só consigo levar como “canônico” (acho que é esse o termo), oque foi mostrado na animação. Se a possibilidade de haver mais no futuro, eu não sei, mas até o momento os criadores falaram que aquilo era o final, e também tem que levar em consideração que a última temporada foi bem dificil de ser feita, pois cortaram verba da produção e também os episódios nem foram transmitidos na TV americana, foi direto pro streaming da Nick.

            Vlw pelo papo cara!

          • Rico Roquette

            Pode crer cara, Nick parece nem ter acredita na série desde o começo, tanto que as temporadas eram bem mais curtas comparado a Aang.

            Acho que algo assim tinha que vim de um canal como Fox que tem Family Guy e American Dad ou Comedy Central que tem South park ou a Netflix que tem Bojack Horseman, esses não tem medo de tocar em assuntos polêmicos.

            Acho que continuar em HQ tranquilo, pena que nada chegou ao Brasil oficialmente e nem sempre as pessoas conseguem importar os produtos. Sei que tem como ler as coisas por scan, só que não curto ler desse jeito.

            Espero que daqui a alguns anos os direitos sai das mãos da Nick e vá para um empresa com vontade e sem medo de fazer as coisas. Quem sabe a gente não recebe uma nova Lenda que seja muito foda, com a liberdade que os produtores querem para fazer as coisas.

            Sempre é bom conversar com outras pessoas para poder mostras as ideias e os pontos de vista, especialmente sem tretas, hahahahah. Valeu

  • Cassiano Lima

    Olá Caras,

    Acho que a série tem seus problemas, mas em geral eu gostei. Vejo muita gente reclamando do ritmo lento e das personagens, mas isso não me incomodou. Aliás, eu gosto das personagens, concordo com o Bruno, acho o Travis e o Nick os mais interessantes. Não sei quem falou que escolheram o ator certo pra viver o Travis por ele ter cara de bundão. Que bom que ele tem cara de bundão até o momento, por que é isso que a trama pede de inicio, se ele passou isso em tela, só mostra a competência do ator. Vocês já esqueceram que esse mesmo ator fez um papel de um traficante em “Dia de Treinamento” que era assustador?

    O problema da gente já conhecer aonde isso vai parar pode estragar a experiência de alguns, mas eu gosto dessa tentativa de construção como eles estão fazendo, eu não espero respostas, principalmente em 6 episódios, até ouvi aqui no cast questionamentos que necessariamente não fazem sentido, já que estamos no inicio. Outra coisa, não me interessa saber o porquê dessa doença e acho que a proposta da série não é contar.

    Agora eu entendi por que o Ricardo desiste das séries, ele não presta atenção e depois critica, ou então já vai ver a série com má vontade. Começar o cast já dizendo que o Nick é filho do Travis, ficou difícil. #zoeira

    Ótimo programa, abraços!

    • Obryan Oliveira

      O Ricardo no gosta de nada.

      • Renato Santos

        gosta de lost e game of thrones, praticamente tem orgasmos quando fala sobre e é cego para as falhas dessas duas séries.

        • Obryan Oliveira

          Lost ele criticou no episódio de melhores pilotos. Tenho que esperar o cast pra ver o que ele vai falar, mas acho que no vai dar nota máxima.

    • Diogo Góes Zanetti

      Uma série de zumbis que o ritmo é lento? Faz sentido pra mim.

  • Anthenor Júnior

    Querendo ou nao, meu caro amigo Jurandir Filho, tu e uma figura publica, e consequentemente, um exemplo, tanto bom quanto ruim, para um monte de gente que te ouve. E vc deve ter plena nocao de tal. Bjus.

  • Obryan Oliveira

    Admiro a separação que o jurandir consegue fazer como um crítico especializado e como um espectador comum.
    Agora o Ricardo eu no entendo. Ele no gosta de nada.
    Achei a série um pouco lenta, mas acho que foi devido a eu já assistir twd. E achei as atuações de certos personagens tais como, nick, Salazar e o strand muito boas e consigo ver eles sobrevivendo no futuro.

  • Matheus

    Galera, eu uso o Banco de Séries para aplicativos. Por alguns motivos:
    *É muito bom de usar
    *É português
    *Feito por brasileiros
    *Grátis

    Eu sempre tento utilizar aplicativos ou serviços que tenham sido feitos por brasileiros, para ajudar a crescer nossos serviços e produtos. O app é em portugues, é fácil de usar e super bacana, com notas e tal. A única coisa ruim é algumas propagandas que aparece para você, mas tirando isso recomendo fortemente. Sem falar que é gratuito né brows!

  • Alex Rocha

    Ouvindo
    esse episódio, vocês analisando o perfil do Travis, fiquei pensando:
    será que ele vai ser tipo um Walter White no decorrer da série? Tipo,
    começa um banana e depois se torna um fodão? Veremos…

    • Bruno Costa

      Putz, eu pensei muito nisso tb.

  • Fala pessoal! Muito bom o episódio. Também curti a série, apesar de ter achado meio “arrastada” no início. Sim, por incrível que pareça, apesar de vocês terem achado ela rápida, eu tive a sensação que demorou para engrenar. Mas gostei dela e espero que possam ter mais episódio na segunda temporada. Bem, até o TWD, teve a primeira temporada curta 😉

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

  • Diogo Góes Zanetti

    Vcs deveriam ter uma caixinha de sugestões para episódios, mas acho que o Ricardo não vai gostar da idéia… 😛

    • Diogo De Góes Zanetti

      Ah propósito, sou usuário de Windows Phone.
      O app se chama Podcasts e cadastrei o cast do Canal 42 basicamente digitando Canal 42, ele já reconhece o site e nem precisei colar feed.

      • Bruno Costa

        Olha ai! Boa garoto!

      • Leandro Laia

        O nativo do WP é bom. Só um podcast que ele não faz streaming e download or causa do server que demora pra retornar.

        • Olha aí!!! Também tinha um WP e gostava do aplicativo nativo, muito melhor que a maioria dos apps de Android.

  • Thiago Berteli

    Ótimo programa.

    Mas senti falta de vocês comentarem (mais a fundo) sobre a parte que mostra aquela confusão que rola entre a população e a polícia.
    Conheço bastante do conteúdo zumbi existente e não me lembro de ter gostado tanto de uma abordagem quanto a feita nessa série. A questão de zumbis serem confundidos com mendigos; a revolta popular e como isso acabou resultando numa dificuldade para as pessoas perceberem o real problema que estava surgindo etc.. Fiquei pensando que se o nosso mundo fosse acometido por um apocalipse zumbi, essa seria exatamente a forma como em vários lugares do planeta a “doença” se espalharia muito rápido.

  • Wesley Fernando

    Pra Fear TWD dar certo, mata todos os protagonistas e comecem com outros mostrando a bagunça, a queda..

    • Bruno Costa

      Carai..uhauhauhha

  • Eu gostei bastante da série enquanto não apareceram muitos zumbis. Os 2 últimos episódios já conseguiram me irritar bastante.

    [[[ SPOILER ]]]
    Que nem foi comentado no cast, o exército estava super organizado, mas aí me deixa “zilhões” de zumbis vivos dentro daquele ginásio. Aí não, né. Qualquer um teria tacado fogo naquilo. Ainda mais o exército, que tinha ciência do que estava acontecendo.

  • Bruno Alexandre

    Como assim, Ricardo??! Aquela cena dos guris destruindo a casa dos ricões lá foi uma analogia perfeita. Eles já tinham sacado que o mundo já era e que coisas caras não servem pra nada quando não há sentimento algum por elas. Por isso que eles quebram jarros carros, louça cara, lustres caros. Eu me imaginei no lugar tendo o prazer de mandar pro caralho tudo que as pessoas ficam cheias de mimimi por causa de dinheiro.

    — SPOILERS LEVES —
    Realmente tem alguns momentos que vc fica meio perdido pq a série tem o ritmo da história geral, mas não tem aquele do episódio. Tem hora que eles ficam 3 episódios numa noite só e depois avança 9 dias, depois acontece uma parada e daí o soldado já foi capturado e tal, tem um ritmo meio de ondas.

    Eu acho que é por conta disso que PARECE que os atores não são bons, mas também com um ritmo desse fica difícil dar função pra todo mundo, no contexto eles são/eram pessoas comuns ainda, não tem como sair delegando funções excepcionais pra pessoas bostas, isso explica o pq de fulano ou ciclano ainda não terem muito o que apresentar.

    Acho que Ricardo gosta de ter tudo explicadinho sobre o personagem na tela, cara tem coisa na vida que acontece e tu não vê COMO ACONTECEU, simplesmente já tá lá, já viu aquela máxima “Pra bom entendedor meia palavra basta?” apois!

    Uma coisa que não gostei na série é que mostrou pouco a sociedade caindo, parecia mais que Travis e sua família “original” estavam num bairro de anarquistas, acho que deveria mostrar outras situações pra dar aquele contexto do tamanho da merda que tava acontecendo. Outra coisa foi aquela parte que Salazar pastoreia os zumbis, realmente foi meio estranho, tipo, parece que o estádio ficava perto da base, que ninguém sabia onde era, nem Travis que estava indo a caminho sabia o caminho 100%, e tem uma hora que mostra Salazar de frente aos portões do estádio, como assim? as coisas pareciam ser alí na esquina, tá ligado?! E que burrice do cão levar mais de 2000 zumbis pro local que eles estavam indo resgatar as pessoas.

    Pô, alguém reclamou do Strand e na moral, personagem muito bom. Um dos poucos que tem uma personalidade forte.

    Último episódio salvou a série, aquela cena final foi espetacular, e gente.. aquilo são ALGAS, tava na cara!

    É isso, sei que ninguém vai ler esse livro de história, mas estamos aí!

    • TheMorales

      Claro que seu texto será lido e meus parabéns – foi o comentário mais sucinto.

      Adoro séries que nos fazem questionar o porque dos fatos, por não nos darem todas as respostas.
      O Ricardo é ansioso demais e por isso se incomoda com séries que não entregam uma tonelada de cenas de ação.
      Pra que ter tudo explicadinho? É super legal podermos ficar com tantas dúvidas quanto os personagens e vivenciar junto com eles 🙂

  • João Vivas

    Acho que ainda preciso assistir a mais uma temporada de FTWD para ter uma opinião melhor formada sobre a série. De forma geral, eu simpatizei e gostei da série, mas ainda é bem inferior a TWD. Não consegui simpatizar com a maioria dos personagens, achei o protagonista masculino muito fraco e não fiquei convencido pelas atuações. O roteiro em si também não me despertou grandes simpatias, tendo um fio condutor extremamente similar ao TWD. Os únicos capítulos que realmente me impactaram foram o 3° (impossível ficar impassível diante da Los Angeles sofrendo blackout, dos policiais matando os médicos, do Travis e família presos na lojinha, da mãe deixando a vizinha ser comida por zumbis etc.) e o finale, mas vamos ver se com essa viagem pela água a coisa melhora. Detalhe: só demorei tanto tempo para comentar porque só vim a concluir a série esses dias.

  • Doug Araújo

    Olá 42!!! Achei a série bem mediana talvez se não tivesse o nome walking dead largasse a série. Mas tem alguns elementos bons que podem ser melhorados. Achei os atores poucos inspirados… Abraços

  • Pepino, o Breve

    tamo ai

[contact-form-7 id="78" title="Formulário de contato 1"]
Mostrar
Sumir